Agitos Mutum - Informando Nova Mutum e Regi�o

ESPORTES

Nova Mutum sedia 3ª fase da Copa Centro América de Futsal

Nova Mutum será sede da segunda rodada da terceira fase da Copa Centro América de Futsal. Os jogos serão realizados nesta sexta-feira e no sábado. São quatro times em cada que brigarão por duas vagas à quarta fase.

 Em Nova Mutum os duelos serão entre Mixto/ADF, Itiquira 100% Futsal, CR8/Juína e Mutuense. As partidas serão disputadas no Ginásio Lauro Immich.

Confira os jogos de Nova Mutum:

Copa Centro América de Futsal (Foto: Reprodução/TVCA)

CIDADES

Motorista é preso com meia tonelada de pescado irregular em São Jose do Rio Claro

Um motorista, de 52 anos, foi preso no final da tarde desta quarta-feira (29) com aproximadamente meia tonelada de pescado irregular na região de São José do Rio Claro. A apreensão ocorreu após uma denúncia à Polícia Civil. O motorista disse que levaria os peixes para serem vendidos em Cuiabá. Ele pagou fiança de R$ 3,5 mil e foi liberado.

Segundo a Polícia Civil, o pescado estava na carroceria de uma caminhonete. O motorista foi abordado por policiais e apresentou uma documentação de transporte irregular e adulterada. Para a polícia, a situação se configura como crime ambiental. O suspeito tinha autorização para transportar aproximadamente 375 kg de peixe, porém, carregava mais de 500 kg de pescado das espécies matrinxã e pacu.

O motorista disse que levaria a carga de peixe para uma pessoa que venderia o produto na capital mato-grossense. O pescado será doado para quatro instituições filantrópicas de São José do Rio Claro.

POLÍTICA

Sob protestos, deputados aprovam proposta de 7,54% do RGA para servidores; lista de votos

A Assembleia Legislativa acaba de aprovar a proposta de Revisão Geral Anual dos servidores públicos do Executivo em 7,54%. O placar ficou 13 a 9 (confira baixo como cada deputado votou) a favor da proposta rejeitada pelos grevistas, que fazem questão da reposição integral das perdas inflacionárias.  
 
 
A aprovação do projeto aconteceu em uma sessão foi conturbada desde o começo. Na abertura dos trabalhos, os servidores públicos entoaram o hino nacional e depois revezaram gritos de guerra e chamaram pelo nome os deputados que tem se posicionado em favor dos grevistas e votaram contra a proposta do governo na última votação. O auge do acirramento dos ânimos foi quando o deputado Nininho (PSD) tentava falar na tribuna e era interrompido pelos servidores. Visivelmente irritado, ele exigiu que o presidente Guilherme Maluf (PSDB) determinasse a expulsão dos servidores que acompanhavam a sessão.
 
“Solicito e exijo que seja tirado esse povo. Isso aqui é uma casa de leis e aqui tem que ter respeito, como sempre tivemos com todos os servidores do estado”, declarou, ao exigir que a segurança retirasse os grevistas das galerias. A sessão chegou a ser interrompida e os demais deputados pediram que Nininho se acalmasse e a determinação foi revista.
 
Nininho declarou que a Assembleia fez o possível para que os servidores ganhassem ao máximo nessa disputa pelo RGA e lembrou que inicialmente não haveria reposição nenhuma, mas que a porcentagem agora conquistada foi costurada pelo parlamento. “Não quero dizer que somos contra o aumento do servidor. Pelo contrário, nós somos a favor. Nós fomos construir juntos para que fosse melhorada [a proposta]”, alegou.
 
A Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) rejeitou, por 3 votos a 2, o substitutivo integral do deputado Zeca Viana (PDT), que previa o pagamento integral da reposição de 11,28% em nove parcelas. Já o substitutivo nº 2, enviado pelo governador Pedro Taques (PSDB) garantindo aumento de 7,54% nos subsídios, foi aprovado, também por 3 votos a 2.
  
O substitutivo do governo passou também pela Comissão de Fiscalização e Acompanhamento da Execução Orçamentária, por 3 votos a 2, que se reuniu durante a sessão e emitiu o parecer em plenário. Nessa comissão, foram contra o projeto do governo os deputados Silvano Amaral (PMDB) e Zé do Pátio (SD). 
  
O deputado Zeca Viana não escondeu sua indignação com a rejeição ao seu substitutivo pela CCJ. e conclamou os servidores a continuarem lutado pela integralidade do reajuste. Para isso citou a frase empregada desembargador Juvenal Pereira da Silva na decisão que manteve na legalidade a greve dos professores: “Aquele que não luta pelo seu direito, não é digno dele.
  
A deputada Janaina Riva reclamou da exposição ao qual os deputados foram colocados frente à sociedade durante todo o processo de negociação. “Nós não merecíamos ter passado por isso. muito menos vocês da base, que foram expostos ao ridículo. Colocaram a população contra vocês.
 
Emanuel Pinheiro lembrou que a oposição lutou de todas as formas ao lado dos servidores para que a reposição integral fosse concedida, inclusive usando artifícios regimentais para paralisar a tramitação do projeto do governo. “Não teve uma linha do nosso regimento interno que não foi usada”.
 
Os servidores que assistiram à sessão nas galerias do plenário gritaram palavras de ordem e ovacionaram os deputados que votaram contra o projeto do governo na primeira votação. Antes da sessão, eles cantaram o Hino Nacional. Ao final, saíram rapidamente
 
A proposta

A nova proposta prevê uma parcela de 2% em setembro deste ano, 2,68% em janeiro e 2,68% em abril de 2017. Porém, os cálculos serão feitos no formato juros sobre juros, ou seja, os 2,68% de janeiro terão como base de cálculo o salário de setembro, já com 2% de aumento, e a parcela de abril será calculada sobre o salário de janeiro – ao contrário das propostas anteriores, que previam pagamentos retroativos, mas todos sobre a data base de maio de 2016. Desse modo, no final das contas, o aumento no salário acaba sendo de 7,54%, e não de 7,36% que é a soma das parcelas.

O texto prevê também que a diferença para atingir os 11,28% referentes à inflação 2015 serão pagos em 2017, se houver margem na Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). De acordo com a lei, o gasto com pessoal pode ser de até 49% da receita corrente líquida. No último balanço publicado pelo governo, referente aos meses de janeiro a abril deste ano, o governo estava em 50,46%.

Votos contrários: 
Emanuel Pinheiro
Janaina Riva
Silvano Amaral
Doutor Leonardo
Sebastião Rezende
Pery Taborelli
Zeca Viana
José Carlos do Pátio 
Wancley Carvalho
 
Votos favoráveis:
Gilmar Fabris
Wilson Santos
Baiano Filho
Dilmar Dal Bosco
Max Russi
Pedro Satélite
Mauro Savi
Oscar Bezerra
Saturnino Masson
Eduardo Botelho
Wagner Ramos
Nininho
José Domingos Fraga

CIDADES

Policial aposentado é preso por estupro de menor em Nobres

TECNOLOGIA

Justiça aceita pedido da Oi para negociar dívida de R$ 65,4 bilhões

POLÍCIA

Polícia apreende 6 kg de drogas em Nova Mutum que seriam entregues em Sinop

ÚLTIMAS COBERTURAS ver mais>>>

1° Arraia da Academia Corpo a Corpo Atlas

1° Arraia da Academia Corpo a Corpo Atlas

ARRAIA MUNICIPAL

ARRAIA MUNICIPAL

CANDIDATAS MISS MT

CANDIDATAS MISS MT

ESPORTES

Kardec desencanta, Tricolor vence o Flu no Morumbi, mas Ganso preocupa

Após a amarga derrota por 3 a 0 para o Santos, no último domingo, o São Paulo parecia viver uma semana bastante favorável. No primeiro jogo com Maicon sendo seu jogador em definitivo, o clube voltou a vencer em sua casa, o Morumbi, onde empatou sem gols com o Sport há uma semana, ao bater o Fluminense por 2 a 1, na noite desta quarta-feira, em duelo válido pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. No entanto, o meia Paulo Henrique Ganso, que entrou no segundo tempo, sentiu a coxa direita e virou enorme preocupação para as semifinais da Copa Libertadores da América.

Além do ovacionado zagueiro – “….É o melhor zagueiro do Brasil! Maicon!”, gritavam ou pouco mais de dez mil são-paulinos durante o jogo -, outro atleta teve motivos para comemorar. Trata-se de Alan Kardec, autor do segundo gol são-paulino, que encerrou um jejum de mais de três meses sem balançar as redes. Este foi apenas o segundo tento do centroavante na temporada. Quem abriu o caminho para a vitória, no entanto, foi o volante João Schimidt, logo no primeiro minuto de jogo. Cícero, de pênalti, diminuiu para o time carioca no começo do segundo tempo.

Com o resultado, o time comandado por Edgardo Bauza voltou a sentir o gosto da vitória após três rodadas, chegou aos 18 pontos e subiu da décima para a sétima colocação do torneio nacional, ultrapassando, inclusive, o Fluminense, que estaciona com 16 pontos e cai para o 11º lugar.

Sendo assim, o clube do Morumbi se aproxima do G4 do Brasileirão, ficando com apenas dois pontos a menos do que o Internacional, primeira equipe dentro da zona de classificação para o torneio continental. O São Paulo buscará a primeira série de dois triunfos consecutivos no campeonato neste domingo, a partir das 16 horas (de Brasília), quando visitará com os reservas a Ponte Preta, em Campinas. Já o Fluminense tentará a recuperação diante do Coritiba, no dia anterior, no mesmo horário, em Volta Redonda.

ESPORTES

Corinthians vence o lanterna América-MG e encosta no líder Palmeiras

ESPORTES

Grêmio vence confronto direto na Arena e toma vaga do Santos no G4

GERAL

Com mais de 6,5 mil ocorrências, MT lidera ranking nacional de queimadas

ESPORTES

CBF anuncia seleção olímpica com Neymar, Prass e Douglas Costa




.

Agitos Mutum - www.agitosmutum.com.br

Telefones (65) 8449-0982

Email: redacao@agitosmutum.com.br
leandrocampos@agitosmutum.com.br

© Agitos Mutum - Todos os direitos reservados