Nova Mutum

day_122.png
25 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

25 de Julho de 2024

GERAL Sábado, 29 de Junho de 2024, 20:39 - A | A

29 de Junho de 2024, 20h:39 - A | A

GERAL / 2 A 0

Alemanha elimina a Dinamarca e espera pela Espanha nas quartas da Eurocopa

Gazeta Esportiva



A Alemanha confirmou o favoritismo e venceu a Dinamarca neste sábado, no Signal Iduna Park, em Dortmund. Com gols de Havertz e Musiala, o time ganhou por 2 a 0 e confirmou a vaga nas quartas de final da Eurocopa. Na próxima fase, os donos da casa esperam pela Espanha, franca favorita contra a Geórgia nas oitavas.

A partida ficou marcada por uma forte tempestade. O jogo chegou até a ser interrompido aos 34 minutos do primeiro tempo em razão das más condições climáticas, que provocaram raios e chuva de granizo no local. O embate só foi ser retomado cerca de 25 minutos depois, quando o tempo melhorou.

Classificada e em busca do quarto título da Euro, a Alemanha volta a campo pelas quartas na próxima sexta-feira, em Stuttgart, a partir das 13h (de Brasília). O time comandado por Julian Nagelsmann aguarda por Espanha ou Geórgia, que se enfrentam neste domingo, às 16h (de Brasília), em Colônia.

O jogo

Dona da casa, a Alemanha dominou o jogo nos primeiros minutos e abriu o placar logo aos três minutos, por meio de Schlotterbeck, de cabeça. O tento, porém, foi anulado pela equipe de arbitragem.

Aos seis, Kimmich arriscou de muito longe e obrigou Schmeichel e fazer grande defesa. O goleiro trabalhou outra vez no lance seguinte, após cabeceio de Schlotterbeck, e salvou a Dinamarca. Aos dez, o arqueiro fez mais uma defesa em um chute de Havertz.

Os dinamarqueses superaram a pressão alemã e, aos poucos, foram criando oportunidades. Aos 23, Maehle dominou dentro da área após passe de Eriksen e finalizou com perigo, assustando Neuer.

A partida foi interrompida aos 34 minutos em razão das más condições climáticas na região de Dortmund. Uma forte tempestade próxima ao estádio Signal Iduna Park provocou queda de raios e chuva de granizo no local.

O jogo foi retomado após 25 minutos de paralisação. E, logo um minuto após o retorno dos jogadores, Schmeichel foi obrigado a fazer grande defesa em um cabeceio de Havertz. Já aos 41, foi a vez da Dinamarca assustar Neuer, através de Hojlund, que roubou a bola na grande área e chutou na rede pelo lado de fora.

Ainda no primeiro tempo, os dinamarqueses tiveram uma outra grande oportunidade de gol. Delaney puxou contra-ataque e acionou Hojlund, mas Neuer saiu bem para abafar a finalização do atacante e fez a defesa.

Segundo tempo

Assim como a etapa inicial, o segundo tempo começou bem movimentado. Logo aos dois minutos, após cruzamento, a bola sobrou na área para Andersen, que completou para o fundo das redes. Contudo, o gol foi anulado, com auxílio do VAR, por impedimento.

O árbitro de vídeo apareceu novamente aos sete minutos para revisar um possível toque de mão de um dinamarquês na área. O inglês Michael Oliver reviu o lance na cabine após ser chamado pelo VAR e assinalou a penalidade a favor da Alemanha. Havertz bateu com precisão, sem chances para Schmeichel, e enfim abriu o placar.

Aos 13, Havertz desperdiçou uma grande chance de aumentar a vantagem. Ele dominou com categoria e entrou com liberdade na área, mas tentou dar uma cavadinha e mandou para fora. Aos 18, foi a vez de Sané receber de Havertz e chutar à direita do gol, com muito perigo.

Os alemães confirmaram a vitória e a classificação aos 22 minutos. Musiala recebeu passe de Schlotterbeck, arrancou em velocidade e tocou na saída de Schmeichel para marcar o segundo da equipe em Dortmund e garantir a vaga.

Ainda deu tempo de Wirtz, que entrou na etapa final, anotar o terceiro já nos minutos finais, aos 45. O tento, porém, acabou sendo invalidado pelo VAR por impedimento.

Comente esta notícia

cd0fb6c3112b42f4ac7db47ed2ff7af9_2.png
whatsapp-icon-4.png (65) 9 9280-9853