Nova Mutum

day_122.png
20 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

20 de Julho de 2024

GERAL Quinta-feira, 20 de Junho de 2024, 19:39 - A | A

20 de Junho de 2024, 19h:39 - A | A

GERAL / PORTO DO BAÉ

Empresário e servidor público são denunciados por desvio de R$ 400 mil destinados a obras em MT

A fraude que aconteceu em 2019 foi resultado de diversas irregularidades das obras e beneficiaram a construtora responsável por ela, segundo o Ministério.

G1/MT



Um empresário e um servidor público foram denunciados pelo Ministério Público Federal (MPF) por suspeita de desviar cerca de R$ 400 mil que seriam destinados às obras de revitalização e ampliação do Porto do Baé, em Barra do Garças, a 516 km de Cuiabá. A identidade dos servidores não foi divulgada.

 

Segundo o Ministério, a fraude, que ocorreu em 2019, foi resultado de diversas irregularidades das obras que beneficiaram a construtora responsável por elas.

As investigações mostraram que a empresa não possuía condições técnicas para conduzir as obras e que já havia um acordo que o servidor público denunciado iria continuar com as atividades.

A investigação começou a partir de uma denúncia anônima em setembro de 2019 feita à Polícia Federal informando que a construtora não funcionava no endereço indicado como sede, que correspondia a um endereço residencial sem nenhum indício de atividade empresarial, aparentando "ser uma empresa de fachada”.

O Ministério Público disse que o servidor desempenhou uma dupla função nas obras, já que ele executava a maior parte delas e ‘ajudava’ os engenheiros e fiscais a acompanhar outras construções da prefeitura.

No momento, os denunciados estão sendo monitorados de forma eletrônica pela Justiça. Além disso, o Ministério solicitou a Justiça Federal a suspensão do exercício da função do servidor público envolvido nos desvios e sua atividade econômica nas obras públicas.

Comente esta notícia

cd0fb6c3112b42f4ac7db47ed2ff7af9_2.png
whatsapp-icon-4.png (65) 9 9280-9853