Nova Mutum

day_122.png
25 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

25 de Julho de 2024

GERAL Domingo, 30 de Junho de 2024, 16:01 - A | A

30 de Junho de 2024, 16h:01 - A | A

GERAL / 2 A 1

Na prorrogação, Inglaterra vira sobre a Eslováquia e enfrenta a Suíça nas quartas da Eurocopa

Gazeta Esportiva



Neste domingo, em jogo válido pelas oitavas de final da Eurocopa, a Inglaterra duelou diante da Eslováquia e venceu por 2 a 1, de virada. Apesar do gol anotado por Ivan Schranz, Bellingham e Harry Kane garantiram o triunfo.

Assim, apesar do susto, os ingleses se classificaram às quartas de final da competição e enfrentarão a Suíça, que eliminou a Itália na tarde de ontem. Do outro lado, a Eslováquia se despede do torneio.

A partida diante dos suíços acontece no próximo sábado. A bola rola às 13h (de Brasília), na Esprit Arena. Já a Eslováquia só retorna aos gramados no dia 5 de setembro (quinta-feira), às 15h45 (de Brasília), diante da Estônia, pela Liga das Nações da UEFA.




 

 


 

 

 

 


Ver esta publicação no Instagram

 



 

 

 


 

 


 

 

 


 

 

 

Uma publicação partilhada por England football team (@england)






Primeiro tempo

A Inglaterra começou o jogo tensa e recebeu dois cartões nos primeiros seis minutos. Marc Guéhi e Kobbie Mainoo foram os atletas que receberam as advertências.

O primeiro lance de perigo da partida foi dos ingleses. Aos 22, Bellingham cruzou na área e Kane cabeceou para fora da meta. No mesmo lance, a Inglaterra reclamou de pênalti em cima de Foden. No entanto, o VAR revisou e não entendeu como lance faltoso.

A Eslováquia surpreendeu e abriu o placar aos 25. Sterlec viu o companheiro Schranz e deu o passe. Assim, o jogador finalizou friamemente de trivela para vencer Pickford.

Aos 33, Kane tentou o cruzamento em Saka, mas o atacante não conseguiu alcançar a bola para desviar.

Com superioridade na posse de bola por parte do ingleses, o primeiro tempo acabou sem gols.

Segundo tempo

No início da segunda etapa, a Inglaterra até conseguiu empatar com um gol de Foden, mas a arbitragem anulou por impedimento.

No lance seguinte, os ingleses tentaram com Harry Kane dentro da área, que bateu firme para uma ótima defesa de Vavro.

Aos 11, a Eslováquia quase marcou o segundo. Sterlec aproveitou o passe curto do adversário e bateu do meio do campo para tentar surpreender Pickford, mas a bola saiu ao lado da meta.

Aos 16, Mainoo recebeu a falta e Foden foi para a cobrança, mas acertou a barreira.

Dez minutos depois, Bellingham caiu dentro da área e pediu pênalti. No entanto, assim como no lance do primeiro tempo envolvendo Foden, o árbitro mandou seguir.

Apesar da vantagem no placar, a Eslováquia voltou a atacar, dessa vez com Lobotka. De longe, o jogador arriscou o chute, mas Pickford, bem posicionado, fez a defesa.

No último lance do tempo normal, de forma incrível, a Inglaterra deixou tudo igual. Após o lateral cobrado para dentro da área, Marc Guehi ajeitou para Bellingham, que virou uma linda bicicleta no canto esquerdo do goleiro Dubravka.

Deste modo, a partida foi para a prorrogação. Porém, logo no primeiro minuto, Karry Kane aproveitou o passe de cabeça de Ivan Toney e completou para o fundo das redes, também de cabeça. Assim, os ingleses viraram a partida e avançaram às quartas de final.

Comente esta notícia

cd0fb6c3112b42f4ac7db47ed2ff7af9_2.png
whatsapp-icon-4.png (65) 9 9280-9853