Nova Mutum

day_122.png
15 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

15 de Junho de 2024

GERAL Terça-feira, 13 de Dezembro de 2022, 22:29 - A | A

13 de Dezembro de 2022, 22h:29 - A | A

GERAL / GOLPES NA CABEÇA

TJ reduz pena de médico que matou a namorada grávida em MT

Fernando Veríssimo Carvalho continuará preso em regime fechado; assassinato aconteceu em 2018

Assessoria



O Tribunal de Justiça reduziu para 24 anos e quatro meses a pena aplicada ao médico Fernando Veríssimo Carvalho pelo assassinato de sua namorada Beatriz Nuala Soares Milano.

O crime ocorreu em novembro de 2018, em Rondonópolis (a 215 km de Cuiabá). A vítima estava grávida de 4 meses.

Fernando havia sido condenado a 41 anos e 8 meses de prisão pelo Tribunal do Júri da cidade, em novembro do ano passado. A pena, portanto, foi reduzida em 17 anos e quatro meses.

A decisão foi tomada pela Primeira Câmara Criminal do TJ, em sessão realizada nesta terça-feira (13).

Atualmente Fernando está preso na Penitenciária Mata Grande, em Rondonópolis. Mesmo com a redução da pena, ela continuará em regime fechado.

Em um breve voto, o relator, desembargador Marcos Machado, entendeu por afastar algumas qualificadoras do crime de homicídio. 

“O recurso está sendo provindo parcialmente e a pena totaliza-se, no meu entendimento, 24 anos e quatro meses de prisão, mantendo o regime fechado", resumiu. 

O crime

De acordo com a denúncia do Ministério Público Estadual (MPE), a vítima foi atingida com golpes de objeto contundente na cabeça, que provocaram inúmeras lesões, causando-lhe traumatismo cranioencefálico.

Segundo o MPE, Fernando utilizou seu conhecimento médico para causar a morte de Beatriz sem deixar vestígios.

Tanto que, após a morte da namorada, o réu tentou induzir a Polícia a concluir que houve uma morte natural.

Na denúncia do Ministério Público, Fernando ainda é descrito como uma pessoa “ciumenta, irritadiça e de temperamento explosivo e imprevisível” e que já tinha um histórico de relacionamento conturbado com a vítima.

PARTICIPE DO NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E FIQUE BEM INFORMADO EM NOTÍCIAS, VAGAS DE EMPREGO, UTILIDADE PÚBLICA E MUITO MAIS!  CLIQUE AQUI

APROVEITE E CURTA A NOSSA PAGINA NO  FACEBOOK , SIGA NOSSO INSTAGRAM, SE INSCREVA EM NOSSO CANAL NO YOUTUBE

Comente esta notícia

cd0fb6c3112b42f4ac7db47ed2ff7af9_2.png
whatsapp-icon-4.png (65) 9 9280-9853