Nova Mutum

day_122.png
14 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

14 de Julho de 2024

Polícia Sexta-feira, 05 de Julho de 2024, 20:49 - A | A

05 de Julho de 2024, 20h:49 - A | A

Polícia / SORRISO

Idosa cai em “Golpe do Amor” e perde mais de R$ 53.000 após emprestar dinheiro para “namorado” que conheceu no Facebook

JK Noticias
Sorriso/MT



Na manhã desta sexta-feira (05/07), uma idosa de 71 anos, moradora do Centro de Sorriso, compareceu à Delegacia de Polícia Civil para relatar que foi vítima de um golpe conhecido como “Golpe do Amor”.

A vítima, que preferiu não ser identificada, conheceu o golpista identificado apenas como C.F.N, de 37 anos, pelo Facebook. Após aceitar a solicitação de amizade, eles começaram a conversar e, com o tempo, desenvolveram um relacionamento romântico. No dia 01 de janeiro, eles começaram a se falar pelo WhatsApp, e a idosa acabou emprestando dinheiro ao homem.

O golpista alegou que precisava de R$ 40.000,00 para comprar um carro, que seria transferido para o nome dela. No mesmo dia, ele afirmou que havia batido o carro, tornando impossível a transferência. A idosa então emprestou mais R$ 13.000,00 para o conserto do veículo, além de um cartão da Havan com limite de R$ 6.000,00. Em várias outras ocasiões, ela emprestou quantias menores, totalizando uma dívida de R$ 53.000,00.

Na última quinta-feira, uma amiga de longa data da idosa ligou para alertá-la sobre o golpe. A amiga havia encontrado conversas apagadas no WhatsApp do namorado, que revelou que ele estava aplicando golpes em várias mulheres. A amiga também descobriu que o homem já havia aplicado um golpe semelhante em Cuiabá, onde uma mulher comprou uma moto para ele e teve que arcar com os prejuízos.

A vítima relatou que o suspeito havia transferido o carro para o nome dele há mais de 60 dias e já o havia colocado à venda no Facebook. Após confrontar o homem, ele a bloqueou nas redes sociais e, segundo amigos, fugiu da cidade para morar com outra mulher que conheceu pela internet.

O caso foi registrado como crime de estelionato sentimental, e a Polícia Civil de Sorriso está apurando os detalhes. A investigação inclui puxar os antecedentes criminais do suspeito, que revelaram várias passagens por furto. A polícia também está verificando o apoio da família dele nos golpes, já que a mãe e os irmãos de homem emprestavam contas bancárias para receber o dinheiro das vítimas.

As autoridades alertam a população sobre os riscos de confiar em pessoas conhecidas pela internet e recomendam cautela ao emprestar dinheiro ou compartilhar informações pessoais. A colaboração das vítimas é essencial para impedir que golpistas continuem a operar e prejudicar mais pessoas.

Comente esta notícia

cd0fb6c3112b42f4ac7db47ed2ff7af9_2.png
whatsapp-icon-4.png (65) 9 9280-9853