Nova Mutum

day_122.png
15 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

15 de Junho de 2024

Política Sábado, 03 de Dezembro de 2022, 10:09 - A | A

03 de Dezembro de 2022, 10h:09 - A | A

Política / CONTRADIÇÃO

Por cargo no Senado, suplente sai fora de Bolsonaro e vira lulista

Romilson Dourado



A primeira-suplente Margareth Buzetti não resistiu à primeira sondagem condicionante para ocupar cadeira de senadora para já expor tamanha contradição e oportunismo político.

Afilhada política de Blairo Maggi, ela atravessou a campanha pedindo voto à reeleição do presidente Bolsonaro. Dizia ser bolsonarista e descia o porrete em Lula. Chegou a romper politicamente com o senador Carlos Fávaro, que passou a apoiar o candidato petista.

Agora, Fávaro está prestes a ser confirmado ministro da Agricultura. A sua cadeira no Senado, nesse caso, ficaria com Margareth. E ela, numa decisão oportunista, já buscou uma desculpa para pular do barco de Bolsonaro e virar lulista. Pretende deixar o PP e se filiar num partido que fará parte da base do novo governo, possivelmente o mesmo PSD de Fávaro.

Comente esta notícia

LEANDRO 06/12/2022

oportunista tem lugar garantindo na boca do povo!

positivo
0
negativo
0

jorge luiz Sganzerla 03/12/2022

Vai morrer na praia e sozinha.

positivo
0
negativo
0

2 comentários

1 de 1
cd0fb6c3112b42f4ac7db47ed2ff7af9_2.png
whatsapp-icon-4.png (65) 9 9280-9853