Nova Mutum

day_122.png
25 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

25 de Julho de 2024

Economia Quarta-feira, 19 de Junho de 2024, 09:39 - A | A

19 de Junho de 2024, 09h:39 - A | A

Economia / MERCADO IMOBILIÁRIO

Centro-Oeste é a região com maior aumento de vendas de apartamentos, aponta pesquisa

Da Assessoria



O Centro-Oeste registrou um aumento de 20,2% nas vendas de apartamentos no primeiro trimestre de 2024, em relação ao mesmo período de 2023. Essa foi a maior variação entre todas as outras regiões, conforme relatório apresentado pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC). 

No geral, o estudo apontou que o crescimento no comércio de unidades residenciais novas foi de 6% em todo o país.

De acordo com o levantamento, em janeiro, fevereiro e março deste ano, foram vendidos nas cidades brasileiras 81.376 imóveis, contra 76.794 somados nos mesmos meses do ano anterior. Apenas na região Centro-Oeste a quantidade foi de 4.908, em 2024, e 4.084, em 2023.

A pesquisa foi realizada em 220 municípios, abrangendo ainda as 27 capitais e as principais regiões metropolitanas.

“Os dados confirmam uma projeção de fortalecimento que tínhamos como expectativa para 2024. Isso demonstra a confiança do consumidor em nossa região, junto com a qualidade dos empreendimentos.

 São indicativos que nos deixam otimistas para uma manutenção nessa tendência de crescimento, visto que os trimestres seguintes costumam acumular o maior número de vendas", comenta o diretor comercial do Grupo Vivart, Victor Bento.

Ainda no relatório da CBIC, Cuiabá aparece na 17ª colocação entre as capitais. A boa posição vai ao encontro dos dados divulgados, em abril deste ano, pelo Sindicato da Habitação de Mato Grosso (Secovi-MT).

 Segundo a entidade, a capital mato-grossense alcançou, nos três primeiros meses, o faturamento de R$ 1,142 bilhão, o que representa 4,93% a mais em comparação ao mesmo período de 2023.

A Vivart está entre as empresas que têm aproveitado muito bem essa alta no mercado imobiliário. O seu principal projeto, por exemplo, está em construção em uma área de quase 7 mil m², no bairro Despraiado, e já chegou a cerca de 98% das unidades vendidas.

 Chamado de Moov Smart Home, o empreendimento terá 84 apartamentos e está previsto para ser entregue em abril de 2025.

Ao mesmo tempo, o grupo se prepara para lançar uma nova construção no bairro Bosque da Saúde. Assim como a estrutura em execução no Despraiado, o projeto do Moov Bosque da Saúde contempla todos os requisitos de moradia inteligente.

Neste, serão 180 unidades distribuídas em uma torre de 27 pavimentos e voltadas para moradia ou aluguel. A localização é estratégica e aproveita o desenvolvimento contínuo da região.

Comente esta notícia

cd0fb6c3112b42f4ac7db47ed2ff7af9_2.png
whatsapp-icon-4.png (65) 9 9280-9853