Nova Mutum

day_122.png
25 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

25 de Julho de 2024

GERAL Sexta-feira, 21 de Junho de 2024, 18:06 - A | A

21 de Junho de 2024, 18h:06 - A | A

GERAL / MAIS DE 27,7 MIL CANDIDATOS

Número de estudantes da rede estadual inscritos no Enem supera o do ano passado

Em 2023 foram 25.771 inscritos e, em 2024, 27.709; as provas serão nos dias 3 e 10 de novembro

Rayane Alves | Seduc-MT



O número de estudantes da rede pública estadual inscritos para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), em Mato Grosso, em 2024, superou o do ano passado em 7,5%. Foram contabilizadas 25.771 inscrições em 2023 e 27.709, neste ano, segundo dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). 

Do total de 84.657 inscritos de Mato Grosso para o Enem 2024, 32,7% são estudantes da rede pública estadual. 

Para o secretário de Estado de Educação, Alan Porto, este crescimento reflete o sucesso do trabalho que a Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT) vem desenvolvendo para orientar os candidatos, desde a solicitação de isenção até a realização das provas.

“Nesta preparação, utilizamos todos os nossos recursos como plataformas digitais, livros e apostilas, Chromebooks, além da dedicação dos professores que possibilita a ampliação e recomposição da aprendizagem para que o estudante possa acessar grandes universidades de Mato Grosso e do País”, explicou Alan.

Pré-Enem Digit@l MT

Em outra frente, com o Pré-Enem Digit@l MT, a Coordenação de Ensino Médio da Seduc realizou busca ativa de jovens do ensino médio, nas modalidades de Educação de Jovens e Adultos (EJA), Campo, Indígena e Quilombola.

Este ano, em Mato Grosso, foram 17.342 mil estudantes inscritos do 3º ano do Ensino Médio e do 2º  e 3º ano da Educação de Jovens e Adultos no curso preparatório.

Durante os nove meses do Pré-Enem ocorrem aulões presenciais, online, aulas de Redação Nota 1000, simulados e uma aula especial que será intercalada às provas do Enem.

O curso faz parte da Política ‘Projetos Pedagógicos Integrados’, uma das 30 políticas educacionais que compõem o Plano EducAção 10 Anos, que visa colocar a rede estadual entre as cinco redes mais bem avaliadas no país até 2032.

As provas

As provas serão aplicadas nos dias 3 e 10 de novembro com questões de múltipla escolha e uma redação. O Enem avalia o desempenho escolar dos estudantes ao término da educação básica e é a principal porta de entrada para a educação superior no país.

Os resultados da avaliação podem ser usados para acesso ao Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e ao Programa Universidade para Todos (ProUni). Também são aceitos em instituições privadas e de outros países de língua portuguesa que tenham acordo com o Brasil.
 
Neste ano, com o programa Pé-de-Meia, do Governo Federal, estudantes beneficiados pela política pública receberão R$ 200,00 após participarem das provas do Enem.

Mais informações na Página do Estudante.

Comente esta notícia

cd0fb6c3112b42f4ac7db47ed2ff7af9_2.png
whatsapp-icon-4.png (65) 9 9280-9853