Nova Mutum

day_122.png
18 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

18 de Junho de 2024

Cidades Terça-feira, 08 de Novembro de 2022, 22:46 - A | A

08 de Novembro de 2022, 22h:46 - A | A

Cidades / ADMINISTRAÇÃO

Santa Rita do Trivelato é 1º lugar em três categorias do prêmio Band Cidades Excelentes 2022

Wilmar Erasmo/Assessoria
Santa Rita do Trivelato/MT



Em sua segunda edição, o prêmio Band Cidades Excelentes, que visa valorizar as boas práticas de gestão pública, agraciou municípios de Mato Grosso que se destacaram pela gestão eficiente e projetos inovadores que contribuíram para o aprimoramento de indicadores em várias áreas da administração pública. A premiação foi realizada pelo Grupo Bandeirantes de Comunicação e o Instituto Aquila, em parceria com a Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), que sediou a homenagem, segunda-feira (7). A solenidade contou com a presença e prefeitos, vice-prefeitos e representantes de dezenas de municípios.

Participaram da cerimônia o prefeito Egon Hoepers, o vice-prefeito Renato Rodrigues, o secretário de Educação e Cultura Paulo Madson, o diretores escolares Saulo Bonfim e Marcus Vinicius, e o assessor de gabinete Cícero Pretto.

Santa Rita do Trivelato levou o 1º lugar em três categorias, gestão, educação, desenvolvimento econômico e ordem pública. Já é o segundo ano que o município é destaque na premiação.

CLIQUE AQUI E PARTICIPE DO NOSSO GRUPO PARA RECEBER VAGAS DE EMPREGO, UTILIDADE PÚBLICA, NOTÍCIAS E MUITO MAIS!

O prêmio para os segmentos de melhor gestão em municípios com diferentes faixas populacionais com menos de 30 mil habitantes, o prêmio principal foi para Santa Rita do Trivelato (1º lugar), Campo de Júlio (2º lugar) e Água Boa (3º lugar). Entre 30 mil e 100 mil habitantes foram contemplados Lucas do Rio Verde (1º lugar), Nova Mutum (2º lugar) e Primavera do Leste (3º lugar). Acima de 100 mil habitantes foram agraciados Rondonópolis (1º lugar), Sinop (2º lugar) e Cuiabá (3º lugar).

CLIQUE AQUI E SE INSCREVA EM NOSSO CANAL DO YOUTUBE

Na área da Educação, os municípios com até 30 mil habitantes premiados foram Santa Rita do Trivelato (1º lugar), Água Boa (2º lugar) e Porto dos Gaúchos (3º lugar). Entre 30 mil e 100 mil habitantes o prêmio foi para Lucas do Rio Verde (1º lugar), Nova Mutum (2º lugar) e Sorriso (3º lugar). Acima de 100 mil habitantes, a premiação foi para Rondonópolis (1º lugar), Sinop (2º lugar) e Cuiabá (3º lugar).

No pilar Desenvolvimento Econômico e Ordem Pública, os municípios com menos de 30 mil habitantes agraciados foram Santa Rita do Trivelato (1º lugar), Nova Santa Helena (2º lugar) e Novo Santo Antônio (3º lugar). Entre 30 mil e 100 mil habitantes foram premiados Campo Verde (1º lugar), Barra do Bugres (2º lugar) e Barra do Garças (3º lugar). Acima de 100 mil habitantes, os premiados foram Cuiabá (1º lugar), Tangará da Serra (2º lugar) e Rondonópolis (3º lugar).

No segmento Saúde e Bem-estar, os municípios com menos de 30 mil habitantes agraciados foram Nova Brasilândia (1º lugar), Nova Marilândia (2º lugar) e Campos de Júlio (3º lugar). Entre 30 mil e 100 mil habitantes, foram contemplados Primavera do Leste (1º lugar), Alta Floresta (2º lugar) e Campo Verde (3º lugar). Na faixa acima de 100 mil habitantes, foram premiados Sinop (1º lugar), Rondonópolis (2º lugar) e Cuiabá (3º lugar).

Em Sustentabilidade, as cidades com menos de 30 mil habitantes premiadas foram Glória D´Oeste (1º lugar), Rio Branco (2º lugar) e Sapezal (3º lugar). Entre 30 mil e 100 mil habitantes, foram agraciados Lucas do Rio Verde (1º lugar), Colíder (2º lugar) e Nova Mutum (3º lugar). Acima de 100 mil habitantes foram comtemplados Rondonópolis (1º lugar), Cuiabá (2º lugar) e Tangará da Serra (3º lugar).

Na categoria Infraestrutura e Mobilidade Urbana, na faixa populacional com menos de 30 mil habitantes, foram agraciados Itaúba (1º lugar), Jaciara (2º lugar) e Dom Aquino (3º lugar). Entre 30 mil e 100 mil habitantes, foram premiados Lucas do Rio Verde (1º lugar), Primavera do Leste (2º lugar) e Sorriso (3º lugar). Acima de 100 mil habitantes receberam o prêmio Rondonópolis (1º lugar), Tangará da Serra (2º lugar) e Cuiabá (3º lugar).

No segmento Governança, Eficiência Fiscal e Transparência, os municípios com menos de 30 mil habitantes premiados foram Água Boa (1º lugar), Carlinda (2º lugar) e Aripuanã (3º lugar). Entre 30 mil e 100 mil habitantes foram contemplados Nova Mutum (1º lugar), Lucas do Rio Verde (2º lugar) e Pontes e Lacerda (3º lugar). Nas localidades com população acima de 100 mil receberam a premiação Sinop (1º lugar), Tangará da Serra (2º lugar) e Rondonópolis (3º lugar).

Para cada pilar, os municípios foram separados em três categorias de avaliação, de acordo com a faixa populacional. Os projetos desenvolvidos pelos municípios foram analisados por meio do Índice de Gestão Municipal-IGMA, desenvolvido pelo Instituto Aquila. Os projetos foram apresentados através do portal do prêmio e cada município teve a oportunidade de apresentar mais de um projeto.

A solenidade também contou com a presença de Alvacir Pedroso Junior e Fabrício Machado Righetti, gerentes de projetos e consultores do Instituto Aquila, além de Evaldo Silva, diretor da TV Band em Mato Grosso. Este ano, é a 2ª edição do prêmio.

Álbum de fotos

Assessoria

Assessoria

Assessoria

Comente esta notícia

cd0fb6c3112b42f4ac7db47ed2ff7af9_2.png
whatsapp-icon-4.png (65) 9 9280-9853